Dicas de Gestão

Tributação para médicos em Brasília: entenda como funciona

tributacao-medicos-brasilia

O Brasil possui um sistema tributário bastante complexo. Por essa razão, diversos profissionais possuem dúvidas sobre a tributação que incide sobre suas respectivas categorias.

O setor de serviços sofre muito com isso, uma vez que ele tende a ter um custo maior do que outros segmentos. Nesse sentido, os médicos devem estar atentos à sua carga de impostos, que está atrelada a diversos detalhes.

Para que o profissional da saúde consiga exercer sua profissão com tranquilidade, é essencial que ele conheça bem os impostos que paga mensalmente. Por isso, se você deseja entender um pouco mais sobre os tributos que incidem sobre essa atividade, continue neste artigo sobre tributação para médicos em Brasília!

Tenha uma boa leitura!

Como um médico pode exercer sua profissão em Brasília?

Antes de entender como funciona a tributação para médicos em Brasília, é necessário conhecer as maneiras pelas quais um profissional da saúde pode exercer a profissão. Isto é, se ele atua como pessoa física ou jurídica.

Esse é um ponto fundamental, uma vez que a forma de recolhimento de impostos muda bastante de acordo com a modalidade escolhida.

Os médicos são profissionais liberais, assim como advogados, engenheiros, psicólogos e outras categorias. Por isso eles podem atuar das seguintes formas:

  • Prestando serviços para uma empresa em regime CLT;
  • Atuando como autônomo (também pessoa física);
  • Abrindo uma empresa (PJ).

Cada forma de atuação possui uma forma específica de tributação. Continue atento a esse texto para saber mais sobre a tributação para médicos em Brasília.

Tributação para médicos em Brasília

Um profissional da medicina pode trabalhar de maneiras diferentes, e cada uma delas possui uma incidência de impostos diferente.

Portanto, se você é um médico em Brasília que está em dúvida sobre qual escolher, confira os diferentes tipos de tributação para a sua categoria!

Leia também: Como funciona a abertura de empresa para Médicos em Brasília?

Médico CLT

É o sonho de muitos recém formados em medicina ter o seu próprio consultório ou clínica. No entanto, nem todo mundo tem esse objetivo. Por isso, muitos médicos acabam escolhendo trabalhar como contratados sob o regime CLT.

Nesse caso, todos os tributos são descontados diretamente pelo contratante. Ou seja, o Imposto de Renda e o INSS já são descontados diretamente na fonte. Portanto, a única obrigação do profissional empregado nesse regime é fazer a declaração anual do IRPF.

Médico autônomo

Quando se fala do trabalho autônomo, a forma de tributação para médicos em Brasília é diferente. Esses são os profissionais liberais que oferecem serviços para pessoas físicas, como é o caso de médicos que possuem consultórios ou atendem em domicílio.

O profissional da medicina que trabalha como autônomo deve estar sempre atento, uma vez que é ele quem faz o próprio recolhimento. Nesse caso, será cobrado o IRPF e o INSS sobre seu salário, e o ISS (Imposto sobre Serviços) sobre os serviços prestados.

O INSS do autônomo possui alíquota de 20% do seu faturamento, desde que esteja de acordo com o teto da previdência, que é de R$ 7.087.22. Já a taxa do IRPF varia entre 0 e 27%, e depende do rendimento mensal. 

Por fim, o ISS varia de município para município. Em Brasília, a alíquota para todos os serviços de saúde humana é de 2%.

Médico CNPJ

Ainda existe a possibilidade de médicos em Brasília trabalharem prestando serviços com um CNPJ. Nesse caso, a lista de tributos é mais complexa e torna necessária a ajuda de um profissional da contabilidade para que seja gerida corretamente.

Para entender como funciona a tributação para médicos PJ, veja a seguir os impostos que incidem:

  • Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ);
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL);
  • Programa de Integração Social (PIS);
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins);
  • Impostos sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS);
  • Contribuição Patronal Previdenciária (CPP);

As alíquotas de cada imposto variam de acordo com o regime tributário escolhido pela empresa, que pode ser Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real.

Se você é um médico que está iniciando o seu negócio em Brasília, o ideal é se inscrever no Simples Nacional. Isso porque, nesse modelo de tributação, as alíquotas são mais vantajosas para o microempreendedor, e a coleta de impostos é feita em uma guia unificada. 

Para avaliar em detalhe as melhores opções de tributação, é crucial contar com o apoio de um contador. Além do fato de que ele pode realizar sua escrituração contábil, esse profissional ainda ajuda na busca por incentivos fiscais e na organização do pagamento de impostos.

Continue a leitura: Como escolher o regime tributário mais adequado em relação aos impostos?

Conte com o Grupo Rhodes para cuidar da tributação no seu negócio!

Como você pôde ver ao longo deste texto, entender como funciona a tributação para médicos ajuda não apenas a manter-se regular, mas também pode trazer uma economia de custos. Assim, ter o suporte de uma contabilidade como o Grupo Rhodes pode ser fundamental para tal.

Somos uma empresa com mais de 30 anos de experiência no mercado, composta por especialistas prontos para oferecer as melhores soluções em assessoria, auditoria e perícia contábil para o seu negócio em Brasília. Entre em contato para saber mais sobre nossas soluções!

Neste artigo vamos explicar detalhadamente o que é o ISS, como pagá-lo da maneira correta e manter sua empresa sempre em dia com os órgãos fiscalizadores.

Se gostou do nosso artigo, não se esqueça de acessar o nosso blog para ler mais conteúdos como este, e nos siga em nossas redes sociais.

Leia também: Quais são os tipos de planejamento tributário e como escolher o ideal para sua empresa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *